12 dicas para tingir o cabelo sem erro

ARTIGOS - 12:33:50

1. Como acertar na escolha da cor? A foto da embalagem é uma boa referência de como ficará a cor?

Não mude radicalmente. Opte por uma coloração que seja até dois tons mais escuros ou mais claros do que a sua cor natural. Quer ir além? Confira com o cabeleireiro se a tonalidade cairá bem em você. Isso porque a caixa é uma referência confiável, mas o que determina o resultado é o tom do seu cabelo e a concentração da água oxigenada que será utilizada.

2. Devo hidratar os fios antes? E lavar a cabeça no dia em que pretendo fazer a coloração?

Sim, você deve hidratar os fios antes, preferencialmente dois dias antes da química. Em relação à ducha, o ideal é que o couro esteja oleoso para a gordura atuar como protetor natural. Porém, se o cabelo estiver muito sujo, pode prejudicar o resultado. Sugestão: lave um dia antes, mas sem esfregar o couro.

3. Não gostou do resultado. E agora?

Se você achou claro, basta comprar uma nova coloração e escurecer. Mas se ficou escuro, o jeito é correr para o cabeleireiro. ”Caso se arrependa no mesmo dia, o DekapColor, remove a coloração e prepara o fio para um novo tom”. Se a coloração for antiga, a indicação é fazer uma decapagem – processo que remove os pigmentos da coloração. O lado ruim: muito agressivo, detona os fios. Importante: se a cor não ficar homogênea, você pode corrigir colorindo novamente, no tom mais escuro que predominou em seus cabelos.

4. Faz alisamento e quer ficar loira?

Só após o cabeleireiro fazer uma avaliação criteriosa e um teste de mecha para ter certeza de que seus fios suportam a descoloração. “Ele deverá usar um pó descolorante específico e água oxigenada de, no máximo, 20 volumes”.

5. Shampoo antirresíduo diminui a durabilidade da coloração?

Esses produtos abrem a cutícula do fio, retirando parte dos pigmentos. Use-os apenas uma vez por mês – de preferência, antes de fazer uma boa hidratação.

6. Dá para evitar que a cor desbote? É verdade que o vermelho é o tom que desbota mais rápido?

Use produtos específicos para cabelos coloridos e descoloridos. Evite água muito quente: o calor e o vapor abrem a cutícula e favorecem o desbotamento. E não deixe de fazer uma hidratação semanal. E, sim, é verdade que o pigmento vermelho é o que sai mais rapidamente, seguido do castanho e do loiro, o que ocorre ainda mais depressa em cabelos porosos e ressecados. Por isso, se você pretende integrar o time das ruivas, redobre os cuidados e não deixe de fazer hidratações frequentes!

7. Qual é o intervalo mínimo entre uma coloração e outra?

Depende. Quem tem raiz branca pode retocá-la a cada 15 dias. Já os tonalizantes pedem uma nova aplicação no cabelo inteiro após cerca de seis lavagens. Se você não gostou do resultado, pode mudar a cor em seguida. Porém, quanto mais química, mais danificada ficará a cabeleira. Ah, e lembre-se: coloração não clareia coloração!

8. Nunca coloriu os cabelos? O que é melhor: passar tonalizante ou coloração? A coloração pode estragar e danificar os cabelos?

Se você quer escurecer ou acentuar o seu tom natural, use um tonalizante (é mais fácil de voltar atrás se o resultado não agradar). “Se o objetivo é clarear, é necessário usar tintura, pois o tonalizante não consegue fazê-lo”, explica o cabeleireiro. E a verdade é uma só: a tintura pode sim senhora, danificar os fios. Por isso é importante que você use produtos de boa qualidade e siga direitinho as instruções recomendadas na embalagem ou pelo seu cabeleireiro.

9. Deve colorir as sobrancelhas também?

Normalmente, não. Só quem muda radicalmente e tem as sobrancelhas muito grossas e de uma tonalidade que destoe demais do tom do cabelo. Atenção: convém que a mudança seja feita por uma esteticista, que usará coloração específica – nem pense em passar o mesmo produto usado nos cabelos!

10. Grávidas podem colorir?

Só com autorização médica. A maioria dos médicos libera após o quarto mês de gestação. Muitos só permitem o uso de tonalizantes, que não têm amônia. Os mais radicais proíbem qualquer química durante toda a gestação.

11. Como disfarçar os fios brancos?

Se você deseja clarear, fazer luzes é uma boa opção. Para manter a sua cor, depende da quantidade. Poucos fios, o tonalizante dá conta do recado. Muitos, só com coloração.

12. E se a coloração ficar por mais tempo do que o recomendado?

A coloração pode irritar o couro cabeludo e ressecar os fios ou, então, deixar o seu cabelo com uma cor diferente da desejada.

Art Hair By Maria Clara

Art Hair By Maria Clara

Rua Rio de Janeiro, 2855, Coester, Fernandópolis 
(17) 3463-2767

VEJA TAMBÉM

teste

Costa Azul turismo
ga('send', 'pageview');