BASTIDORES

ARTIGOS - 08:52:48

DRAMATURGO...

atento aos “fatos políticos de Fernandópolis”, certamente não perderia a oportunidade de rabiscar alguma coisa sobre os acontecimentos da semana.

LOGO...

no início, os poderes Executivo e Legislativo geraram farto material para elaboração de bons textos. Títulos como “A humildade de André”, e “A coragem de Pedro”, cairiam como uma luva, principalmente no clima da semana de forte apelo religioso.

APOSTOLICAMENTE...

o prefeito André Pessuto, ao prestar conta de 100 dias de trabalho assumiu com humildade sua imaturidade no cargo ao enviar o projeto aumentando em 50% a taxa de iluminação pública, e a proposta de extinguir o l4º salário do funcionalismo. Vai retirar o primeiro e aguardar a decisão da Justiça quanto ao benefício dos servidores.

COMO...

havia jornalista independente na coletiva, não faltaram perguntas embasadas em cobranças da população. Quanto provocado sobre a buraqueira que tomou conta  da cidade, o  prefeito Pessuto exaltou-se: “ Ficaram 4 anos sem tapar um buraco, por isso é que estamos nessa situação”.Disse que já comprou mais de 500 toneladas de material, mas a chuva tem dificultado os serviços de recuperação da malha viária.

NA...

Câmara, o vereador João Pedro Siqueira (PTB) resolveu mexer em vespeiro. Quer acabar com as gordas férias dos vereadores, que, somando recesso de julho e férias de fim de ano, perfazem quase 90 dias de folga ao ano.

JOÃO...

Pedro, pelo visto, quer avançar perigosamente por caminhos polêmicos e perigosos. Por exemplo: que seja dado ao suplente a oportunidade de assumir a cadeira do titular, de uma a duas vezes por ano; redução dos salários dos vereadores, e que funcionário público se afaste do emprego para assumir cadeira na Câmara.

E O PETEBISTA...

está com discurso afiado: “Precisamos mudar o jeito de fazer política, de lidar com a coisa pública. Não quero polêmica. Somos de Fernandópolis e precisamos pensar na cidade. Minha meta é legislar, fiscalizar e representar o povo de Fernandópolis”. Não quer polêmica?

TODAS...

as propostas de JP mexem diretamente com a vida dos seus pares. Em que pese o aplauso de seus eleitores pela coragem, dificilmente seu desejo alcançará êxito. Nas casas legislativas do país, o corporativismo é que dá as cartas. Isso não ameaça o sucesso dos filmes colocados no primeiro parágrafo. Emoção é que não vai faltar.

Alencar Cesar Scandiuzi

Alencar Cesar Scandiuzi

Jornalista e Radiodifusor

VEJA TAMBÉM

teste

Costa Azul turismo
ga('send', 'pageview');