Professores começam a ser vacinados contra a gripe nesta segunda

SAÚDE - 08:24:11
Professores começam a ser vacinados contra a gripe nesta segunda

Começa nesta segunda-feira, 8, no estado de São Paulo, a vacinação contra a gripe de professores de escolas públicas e privadas. A partir deste ano, esses profissionais passam a fazer parte do público-alvo de imunização contra o vírus. A campanha teve início no dia 17 de abril e vem sendo feita de forma escalonada, com a inclusão de um novo grupo a cada semana. Na capital paulista, 823,4 mil pessoas já foram vacinadas, o que corresponde a 30% da meta de 3,4 milhões de pessoas.
Os primeiros a serem imunizados foram os trabalhadores da saúde. Em seguida, o alvo foram as pessoas com 60 anos ou mais, gestantes e puérperas. Crianças entre seis meses e menores de cinco anos, indígenas e pessoas com doenças crônicas e outras condições clínicas especiais também já foram convocadas. Pessoas que perderem o período destacado para seu grupo poderão se vacinar a qualquer tempo, desde que respeitada a data de início de cada público.
O “Dia D” da campanha será 13 de maio, próximo sábado. Também será vacinada, a partir de 15 de maio, a população privada de liberdade (presídios e cadeias), funcionários do sistema prisional e adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade que estejam sob medida socioeducativa.
As doses protegerão contra os vírus do inverno deste ano, A/Hong Kong (H3N2) e B/Brisbane. De acordo com orientação do Ministério da Saúde, os casos de gripe grave, caracterizados como síndrome respiratória aguda grave (SRAG) devem ser obrigatoriamente notificados. A Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo informou que, até março, houve 121 notificações do tipo mais grave. Deste total, 59 estavam relacionados ao A (H3N2). Foram notificadas 14 mortes, sete delas relacionadas ao H3N2.
Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo, a vacina é contraindicada “para pessoas com histórico de reação anafilática prévia ou alergia grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados, assim como a qualquer outro componente da vacina, ou que apresentaram reação grave em doses anteriores da vacina influenza”. Ainda de acordo com o órgão, uma pequena parcela dos vacinados pode apresentar dor leve no local da aplicação, febre baixa, dores musculares e mal-estar em até dois dias após a imunização.
A vacina é gratuita e está disponível em todas as unidades básicas de saúde, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. A relação completa dos postos pode ser consultada pelo telefone 156 ou no site da prefeitura.

 

VEJA TAMBÉM


Costa Azul turismo
ga('send', 'pageview');