Sábado tem vacinação na praça Joaquim Antônio Pereira

SAÚDE - 08:34:15
Sábado tem vacinação na praça Joaquim Antônio Pereira

As pessoas que fazem parte do público-alvo da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe podem ser imunizadas neste sábado, 20, na praça Joaquim Antônio Pereira, Centro da cidade, das 8h às 12h. Também estarão disponíveis todas as outras vacinas para a população que estiver com a carteira em atraso, basta levar o documento para conferência.
É importante destacar que o Ministério da Saúde ampliou o público-alvo da vacinação contra a gripe. A partir de agora, os policiais civis, militares e bombeiros, funcionários dos Correios, do Poupatempo e da Defesa Civil devem ser imunizados.
Também tomam a vacina professores do ensino básico e superior das escolas públicas e privadas, crianças maiores de seis meses e menores de cinco anos, pessoas com 60 anos ou mais, mulheres que tiverem dado à luz há menos de 45 dias, trabalhadores de saúde, indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis ou pessoas com condições clínicas especiais, adolescentes e jovens que cumprem medidas socioeducativas, presos e funcionários do sistema prisional.
Até o momento, o município vacinou apenas 69% do público-alvo, sendo que a procura menor tem sido de crianças, gestantes e profissionais da saúde. É importante destacar que neste ano Fernandópolis já tem a confirmação de quatro casos de H3N2, com dois óbitos. Durante todo o ano de 2016 foram três mortes por H1N1. Os dois tipos da doença são considerados graves.
Além da carteira de vacinação, é preciso levar algum documento que comprove estar dentro das condições para ser imunizado; professores precisam apresentar seus holerites. As vacinas desta campanha são trivalentes e protegem contra os vírus H1N1, H3N2 e Influenza B (gripe comum).
A vacina contra gripe é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença, internações ou, até mesmo, óbitos. Estudos demonstram que a vacinação pode reduzir entre 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da influenza.

 

VEJA TAMBÉM

teste

Costa Azul turismo
ga('send', 'pageview');