Bastidores

ARTIGOS - 16:55:43

QUANDO...

o prefeito André Pessuto anunciou que construiria uma nova estação de embarque de passageiros, a primeira reação da população foi quanto aos custos e o local. Afinal, desde a posse Pessuto tem reclamado da queda de arrecadação,que poderia comprometer até o pagamento da folha de salários dos funcionários.Estão lembrados ?

EM...

4 de abril, ao discursar para empresários do LIDE, em São José do Rio Preto, durante balanço dos primeiros cem dias dos governos de Fernandópolis, Votuporanga, Rio Preto e Catanduva, Pessuto usou pela primeira vez a palavra “parceria”, para deixar claro que pretendia contar com investimento do capital privado para realizar algumas obras, entre elas, a estação rodoviária.

116...

dias depois, mais precisamente em 28 de julho, desta feita em Fernandópolis, e mais uma vez diante do invejável PIB, representado pelos empresários filiados ao LIDE, Pessuto disse: ”Temos um déficit com o IPREM. A nossa ideia é dar o prédio do Paço Municipal em dação de pagamento para amortizar a dívida. A rodoviária hoje ocupa área central e ficou muito grande. Precisamos de uma rodoviária mais compacta e com maior qualidade de serviços, como um mini shopping, por exemplo. O prédio da rodoviária a gente transformaria em Paço Municipal”.

A MANCHETE...

de sábado do jornal CIDADÃO “Paço e novo Terminal vão custar R$ 5 milhões” revela uma guinada radical nos planos do prefeito André Pessuto, que descartou totalmente a parceria com a iniciativa privada.O produto não foi bem vendido ou faltou empresário que acreditasse em Fernandópolis?Assim, no mesmo local, a prefeitura vai acomodar um terminal de embarque e fará adequações para instalar o novo Paço Municipal, ao custo de R$ 5 milhões.

E PESSUTO...

tem pressa. Pediu e a Câmara atendeu no ato, com liame de uma sessão extraordinária que aprovou 2 projetos, autorizando o poder público a contrair empréstimos junto à Caixa no montante de R$ 10 milhões. A metade será investida no recapeamento de 250 quarteirões.

A DECISÃO...

de Pessuto divide opiniões. Há os que aplaudem a solução mais econômica, permitindo, ainda, que se amortize a dívida da prefeitura com o IPREM, uma bagatela de R$ l6 milhões, que, ao que parece,ficará com o prédio municipal da Rua Bahia. Já têm aqueles que acham que “pensamos pequeno”, pois um novo terminal em outra área, contribuiria para o desenvolvimento da cidade, com expansão do comércio.

O MAIS...

forte concorrente nosso na corrida regional, quando construiu a nova rodoviária, além rodovia, sentido Rio Preto, com o tempo atraiu outros investimentos, como o novo estádio (lá eles falam Arena), o Paço Municipal (que eles falam Centro Administrativo) e o Shopping Center.

PARA...

encerrar: com as adequações para instalar vários departamentos da prefeitura de Fernandópolis, e o próprio terminal, haverá espaço para estacionamento de veículos particulares? E quando daremos um destino para o prédio fantasma do antigo Paço Municipal, da Rua São Paulo? Nem o IPREM quis o prédio...

 

Alencar Cesar Scandiuzi

Alencar Cesar Scandiuzi

Jornalista e Radiodifusor

VEJA TAMBÉM

teste

Costa Azul turismo
ga('send', 'pageview');