Estatística mostra queda de furtos e roubos na cidade a partir de julho

POLÍCIA - 16:57:10
Estatística mostra queda de furtos e roubos na cidade a partir de julho

Saiu esta semana os números da violência no Estado de São Paulo. “Foram números bem positivos, um bom trabalho das polícias. Tivemos redução de todos os indicadores do Estado, a exceção de um caso a mais de extorsão mediante sequestro”, disse o secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, durante apresentação das estatísticas de setembro quarta-feira, 25.

No caso de Fernandópolis, os números divulgados mostram que a partir de julho, a cidade registra uma curva descendente nos casos de crimes como furtos e roubos (veja quadro). De janeiro a setembro, foram registradas na cidade 615 ocorrências de furtos, contra 672 no mesmo período do ano passado, uma queda de 8%. Houve queda também no número de roubos (com emprego de violência contra a vítima). Foram 28 casos este ano contra 62 no ano passado, queda de 50%.
Em contrapartida, houve aumento de casos de mortes no trânsito: sete este ano, contra seis durante todo o ano passado. A oitava vítima será computada na estatística de outubro. A jovem Keren  Senazar Marzochi Carvalho, 16 anos, estava na garupa da moto que se envolveu em acidente de trânsito no último final de semana de setembro na Avenida Expedicionários Brasileiros em cruzamento controlado por semáforo. Após cinco dias internada em Rio Preto, a estudante acabou vindo a óbito no dia 3 de outubro. 
Outro crime que aumentou na cidade foram os casos de estupros. De acordo com a estatística da Secretaria da Segurança Pública foram 15 casos de estupro e 10 de estupro de vulnerável, totalizando 25 casos de janeiro a setembro. No ano passado, foram registrados 23 casos. 
CRIME
Mais um fernandopolense foi vítima de latrocínio neste ano (roubo seguido de morte). Glauco de Caires, 25 anos, foi morto com um tiro no pescoço durante assalto à sua casa em Santa Fé do Sul na segunda-feira, 23. Ele foi sepultado em Fernandópolis na terça-feira. Glauco havia se mudado com a esposa para Santa Fé do Sul no início do mês. No início do ano, o comerciante Célio Busato, foi morto durante assalto à sua Padaria na Avenida Amadeu Bizelli. 

VEJA TAMBÉM

teste

Costa Azul turismo
ga('send', 'pageview');