Chuva forte causa transtornos em Fernandópolis e região

GERAL - 07:40:58
Chuva forte causa transtornos em Fernandópolis e região

A chuva forte desta noite provocou transtornos e estragos em Fernandópolis e cidades vizinhas. A situação mais grave, como sempre, é nos bairros periféricos, porém uma rua inteira no Jardim Botelho teve o asfalto arrancado pela força das águas. 
De acordo com os registros da Cemadem – Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastre Naturais -, só durante esta noite foram registrados mais de 80 milímetros de chuva na cidade, o que foi suficiente para causar alagamentos em diversos pontos, bem como estragos nas vias. 
No Jardim Botelho, por exemplo, um morador ficou ilhado. A enxurrada arrancou o asfalto de fronte a sua residência, na Rua Koei Arakaki, e agora ele não consegue retirar seu carro da garagem para ir trabalhar. 
REGIÃO 
Mas os estragos não foram apenas em Fernandópolis. Um dos casos mais graves, aliás, foi em Tanabi, onde a canalização de um córrego foi destruída. A forte enxurrada arrastou a tubulação usada para canalizar a água do córrego Ranchinho. O asfalto cedeu e um enorme buraco se formou na vicinal que dá acesso ao distrito de Ibiporanga.
A passagem ainda está interrompida para os moradores e está sinalizada em vários trechos da vicinal. 
Em Auriflama, mais problemas por causa da chuva. A água do córrego Limoeiro subiu e invadiu a rodovia Feliciano Sales Cunha bem perto do trevo da cidade. Segundo a polícia, a estrada não chegou a ser interditada porque a água baixou rapidamente.
O motorista que passar por ali tem que ficar atento com a água na pista. A polícia também está em alerta em Pontalinda. Com a chuva, a água do rio São José dos Dourados voltou a subir e a rodovia Elyezer Montenegro Magalhães corre o risco de ser interditada de novo.

VEJA TAMBÉM

teste

Costa Azul turismo
ga('send', 'pageview');