Justiça condena homem que mantinha “fábrica” notas falsas em Fernandópolis

POLÍCIA - 08:00:00
Justiça condena homem que mantinha “fábrica” notas falsas em Fernandópolis

A Justiça Federal de Jales condenou um homem a cinco anos e dois meses de prisão por falsificação de moeda e corrupção de menor. Ele foi preso em flagrante em Fernandópolis, em setembro de 2017, com mais de R$ 8 mil em cédulas falsas.  A condenação foi em dezembro, mas a Justiça divulgou o caso essa semana. 
O Ministério Público Federal denunciou o réu depois da investigação da polícia. Quando foi preso, Maicon da Costa Lino Martins estava acompanhado de uma menor, que tentou assumir o crime em seu lugar.
No entanto, após busca na residência do réu, foram encontrados os equipamentos e matéria-prima usada na confecção das cédulas. No local também foram apreendidas mais notas falsas.
O condenado já era foragido da Justiça da Infância de Mato Grosso do Sul por ato infracional e já está preso cautelarmente, deverá cumprir a pena em regime inicial fechado. Contra a decisão, a defesa poderá apresentar recurso. O MPF já recorreu para aumentar a pena.

 

VEJA TAMBÉM

teste

Costa Azul turismo
ga('send', 'pageview');