Revanche: indicada de Carlão é exonerada e Fernandópolis reassume Drads

POLÍTICA - 15:12:22
Revanche: indicada de Carlão é  exonerada e Fernandópolis  reassume  Drads

A edição de hoje, 16, do Diário Oficial do Estado de São Paulo foi recebida por muitos fernandopolenses com gosto de revanche. Isso porque na Seção II, página 1, um ato do governador Márcio França (PSB) devolveu a cidade o comando da Drads - Diretoria Regional de Assistência e Desenvolvimento Social -, que estava sob a batuta de Votuporanga. Para recordar, em maio de 2016, às vésperas do aniversário de Fernandópolis, a então diretora da Drads, Flávia Resende, foi exonerada do cargo sem nenhuma justificativa e para o seu lugar, o então governador Geraldo Alckmin (PSDB) nomeou a votuporanguense Meire Azevedo. À época, foi levantada a hipótese de intervenção do deputado estadual Carlos Pignatari (PSDB) na exoneração de Flávia e na nomeação de Meire, que até então era assessora direta da esposa do deputado, Marli Pignatari, na secretaria Municipal de Assistência Social de Votuporanga. “O secretário chegou a falar francamente comigo e disse ‘olha Flávia eu não tenho nada contra você, muito pelo contrário, você foi extremamente elogiada por toda equipe, mas eu preciso deixar claro para você que eu tenho uma fatura para pagar com o deputado da vossa região, que é o Carlão (Pignatari) e então eu também preciso privilegiar ele’”, disse Flávia Resende na ocasião.   Desde então essa história ficou atravessada na garganta dos tucanos de Fernandópolis, até que hoje veio o troco. Márcio França exonerou a indicada de Carlão e para seu lugar nomeou João Sabino Filho, um dos mais antigos e respeitados membros do PSDB fernandopolense.

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');