Prefeito diz que vai dialogar com vereadores sobre “emenda impositiva”

ARTIGOS - 13:44:55

A próxima semana promete ser de diálogo entre Executivo e Legislativo. Tudo por conta da emenda aprovada pelos vereadores que incluiu na LDO – Lei de Diretrizes Orçamentaria, a chamada “emenda impositiva” no orçamento de 2019 que obriga o Executivo a liberar recursos para atender as demandas indicadas pelos vereadores. 

O prefeito André Pessuto disse na quinta-feira, após receber o Ministro da Saúde, Gilberto Occhi, que vai tratar desse assunto na próxima semana. Primeiro, vai se reunir com a equipe (Gestão, Jurídico e Planejamento) e anuncia que vai dialogar com os vereadores antes de tomar uma posição, veto ou sanção. Tudo o que o prefeito não quer neste momento é criar uma zona de conflito com o legislativo.
A aprovação da emenda por unanimidade mostra que os 13 vereadores aguardam que o prefeito sancione a LDO com a “emenda impositiva”. A fala do vereador João Pedro Siqueira, autor da proposta, após a sessão mostra isso. “Acho que o prefeito, que foi vereador por dois mandatos não vai vetar. Isso (a emenda) é um avanço para a política, dá liberdade para o vereador para propor algo em benefício da população. Acredito que o prefeito não vai vetar. Se vetar, volta para essa casa e como é de interesse dos 13 vereadores, derrubaremos o veto. Se houver o veto só vai criar desgaste”, afirmou o vereador.


Bate pronto

  PRAZO CORRENDO – 5 de agosto é o prazo final para os partidos decidirem em convenções os candidatos e coligações para as eleições de outubro quando vamos eleger presidente, governador, senador, deputado federal e deputado estadual. Reina um grande clima de indefinição à véspera da abertura do prazo das convenções, a partir de 20 de julho. Diferente de eleições anteriores, as convenções devem ocorrer mesmo no último prazo, no dia 5 de agosto.   A campanha começa 11 dias depois, em 16 de agosto.

  RADIO E TV - O horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão começa no dia 31 de agosto. Recentemente o Tribunal Superior Eleitoral definiu que 30% do tempo de mídia disponibilizado para os partidos sejam destinados a candidatas.  Este ano o horário eleitoral gratuito terá 50 minutos diários no rádio e na tv. No rádio será distribuído pela manhã, de 7h às 7h25 e das 12h às 12h25.  Já na TV o horário será à das 13 h às 13h25 e das 20h às 20h25.

  EFETIVIDADE - O comando do 16º Batalhão da Polícia Militar em Fernandópolis divulgou o balanço dos resultados das ações referentes ao primeiro semestre deste ano. O destaque foi a prisão de 984 criminosos. Desse total, 630 foram ações de flagrante e as outras 354 foram cumprimentos de mandados judiciais. Outros destaques do semestre, foram a apreensão de 240 kg de drogas e a recuperação de 103 veículos furtados.

  VESTIBULAR DA UNIVESP -  Acontece neste domingo, 8, a prova do vestibular da Univesp  - Universidade Virtual do Estado de São Paulo -, na modalidade à distância em Fernandópolis. A avaliação será aplicada às 14h, de forma presencial, na Etec Professor Armando José Farinazzo. Os candidatos devem chegar com antecedência, porque os portões fecham às 14h. Também é preciso levar documento oficial com foto, caneta esferográfica preta, lápis preto n° 2 e borracha. O gabarito oficial será divulgado a partir de 24/07/2018. Os resultados da primeira lista saem em 08/08/2018 e da segunda lista em 15/08/2018. Os cursos em Fernandópolis terão início no segundo semestre desse ano, nas modalidades de Engenharia de Computação, Engenharia de Produção, Licenciatura em Matemática e Tecnólogo em Gestão Pública.

v

Claudemir Cabreira

Claudemir Cabreira

Jornalista. 

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');