ALTOS E BAIXOS DO EMPREGO NO SEMESTRE

ARTIGOS - 17:25:35

Fernandópolis fechou o primeiro semestre do ano com desempenho positivo na geração de emprego com carteira assinada, apesar dos altos e baixos da economia.

O emprego formal em Fernandópolis, de acordo com dados do Caged - Cadastro Geral de Empregados e Desempregados -, do Ministério do Emprego e Trabalho, de janeiro a junho deste ano, apresentou saldo 463 empregos. Foram 3.216 contratações e 2.753 demissões. O número desse ano é melhor do que a igual período do ano passado, que registrou saldo positivo de 307 empregos.
O saldo do semestre foi positivo garantido pelas contratações em março e abril. No fechamento do semestre, junho apresentou saldo negativo com fechamento de 101 postos de trabalho. Foi o segundo mês seguido de desempenho negativo, já que maio havia apresentado o corte de 51 empregos. 
No mês de junho, a indústria de transformação foi a que mais demitiu. Foram 135 demissões contra 57 contratações com saldo negativo de 78 empregos. Comércio e agropecuária também fecharam junho com mais demissões do que contratações. A construção civil e Serviços foram os segmentos que fecharam com saldo positivo, mas com pífios 14 empregos. No período de 12 meses, Fernandópolis acumula um saldo positivo de 147 vagas.
Em 34 municípios da região Noroeste paulista, o resultado no semestre também é positivo, com um saldo de 3.829 vagas. Entre as principais cidades, Rio Preto (1.751), Catanduva (284), Jales (400), Votuporanga (57), também fecharam o semestre no azul.

 

Bate pronto

  DESEMBARGADOR - O fernandopolense Jonas Hass da Silva Junior assumiu como desembargador no Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul. A posse ocorreu na quinta-feira, 19. Nascido em Fernandópolis, (filho de Jonas Hass da Silva, do antigo Hotel Bom Pastor) Jonas ingressou na magistratura de Mato Grosso do Sul em janeiro de 1989, como juiz substituto. Passou por várias comarcas naquele Estado e em junho de 2000, assumiu a titularidade da 5ª Vara Cível de Dourados. Agora ocupa a vaga do desembargador Romero Osme Dias Lopes, que morreu no dia 3 de julho. Sua eleição para o posto ocorreu por unanimidade.

  VOLUNTÁRIOS – Os Cartórios Eleitorais estão com grande movimentação neste mês por conta dos mesários convocados para trabalhar no dia da eleição, que estão sendo chamados para o início das instruções sobre o serviço. Nos dois Cartórios, de Fernandópolis e da Comarca, são mais de 800 voluntários que vão trabalhar na recepção dos votos nas mais de 200 seções eleitorais. O treinamento desse pessoal será realizado durante o mês de agosto pela Justiça Eleitoral.

  DEU NO DIÁRIO – Com a chamada “Farpas de Ferpa” a coluna do Diário da Região relatou momento tenso entre deputados de Fernandópolis no sábado. Veja a nota: Nem tudo foi festa, sábado, 21, no Monte Líbano, no ato em torno de João Doria e Rodrigo Garcia. O deputado federal Fausto Pinato (PP) se estranhou com o deputado estadual Gilmar Gimenes (PSDB), ambos de Fernandópolis. “Veio me ameaçar, mas nem dei atenção, eu tenho outra forma de trabalhar”, disse Gimenes. A razão da briga? “Não sei, sinceramente. Alegou que eu falei mal dele. Alguém talvez tenha dito alguma coisa e ele acreditou. Quem me conhece sabe que não tenho esse perfil”, disse o tucano. Pinato não se pronunciou sobre o caso.

Claudemir Cabreira

Claudemir Cabreira

Jornalista. 

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');