Empreiteira inicia a construção das 219 casas populares

GERAL - 08:11:32
Empreiteira inicia a construção das 219 casas populares

Um conjunto com 219 casas populares anunciado em 2016, enfim, começa a sair do papel. O conjunto da CDHU - Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano-, o Fernandópolis I, foi anunciado em março de 2016 durante evento político com a presença do então secretário da Habitação Rodrigo Garcia (DEM) e organizado pelo prefeito André Pessuto (DEM), na época presidente da Câmara. O convênio foi assinado em junho daquele ano pela então prefeita Ana Bim (PSD). 

Quase 3 anos depois, enfim, as máquinas iniciaram a terraplenagem do terreno para início da construção. O registro do início das obras foi feito pelo programa Rotativa no Ar da Rádio Difusora, nesta segunda-feira, 1º. 
As 219 casas populares serão construídas pela empreiteira S. Figueiredo que venceu a concorrência aberta pela CDH – Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Estado, com financiamento da Caixa, dentro do projeto Minha Casa Minha Vida. De acordo com a placa já instalada no local, a obra está orçada em R$ 21,9 milhões e tem prazo para conclusão da obra em 13 de janeiro de 2020. A prefeitura confirmou o início da obra.  
As moradias serão construídas em uma área ao lado do conjunto habitacional Jayme Leone já dotada de infraestrutura de água, esgoto e galerias. Os imóveis terão 56 metros quadrados de área construída, divididos em dois quartos, sala, cozinha e banheiro. O edital prevê ainda a instalação de sistemas solares de aquecimento de água para que as famílias tenham mais conforto e economia de energia elétrica. Além da doação do terreno, o contrato prevê como contrapartida do município o plantio de uma árvore para cada casa construída.

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');