Treinos de handebol já envolvem mais de 50 atletas

ESPORTE - 08:03:28
Treinos de handebol já envolvem mais de 50 atletas

Em março de 2018 o projeto “Bom de Escola, Bom de Esporte”, da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer de Fernandópolis, iniciou os trabalhos de desenvolvimento da modalidade handebol. O esporte cresce e hoje já conta com cerca de 50 atletas treinando.
Os participantes são separados pelas categorias Sub16 e Sub18 no feminino e masculino e Adulto masculino. A intenção é também criar equipes do Adulto feminino, Sub12 e Sub14.
Os treinos são coordenados pelo professor Tiago Marçal de Morais, que é atleta da Seleção Brasileira dos Surdos; tricampeão brasileiro; conquistou o quarto lugar no Campeonato Mundial de Handebol para surdos em 2018 e participou da Surdo Olimpíadas em 2017 (Turquia).
Ainda há vagas para interessados em participar dos times. Basta ter idade a partir de 11 anos e vontade de praticar o esporte. Os interessados devem procurar o professor Tiago pelo telefone (17) 99747-9082 ou nos horários de treinos, aos sábados das 13 às 15h, na Escola Estadual Afonso Cáfaro; aos domingos das 9 às 11h, no ginásio de esportes “Dr. Querton Ribamar Prado de Souza – Beira Rio”; de terça-feira, das 18 às 19h30, na escola EELAS; e de sexta-feira, das 18 às 20h, na escola SESI.
Tiago destacou que está satisfeito com a evolução do handebol em Fernandópolis. “Além de conseguirmos uma boa quantidade de atletas, também vamos entrar na Liga Regional de Handebol de Dracena, uma competição que vai começa no final de março ou começo de abril”, contou.
Outro destaque do time é o atleta Danilo Batista de Aviz, de 15 anos, que foi convocado em novembro do ano passado para a Seleção Paulista dos Surdos.

 

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');