Meridiano voltará às urnas para eleger prefeito e vice

ARTIGOS - 19:08:21

A cidade de Meridiano, pertencente a comarca de Fernandópolis, vai ter eleição suplementar para eleição do novo prefeito e vice, após a decisão do TSE – Tribunal Superior Eleitoral – que nesta semana cassou o prefeito Orivaldo Rizatto (PSDB) e a vice, Márcia Adriano (PTN). O presidente da Câmara Maicon Fabiano de Oliveira (Podemos) assume interinamente o cargo. A expectativa é de que, no prazo de três meses, a Justiça Eleitoral marque nova eleição no município, quando os 3,4 mil eleitores escolherão o novo prefeito e vice.
A cassação de mandatos já era esperada, diante das decisões em instâncias anteriores. Os ministros do TSE seguiram o entendimento do relator, ministro Admar Gonzaga, para o qual as provas colhidas pela Justiça Eleitoral foram suficientes para comprovar a irregularidade.
O relator lembrou que a chapa venceu as eleições de 2016 em Meridiano por diferença de 8 votos em relação ao segundo colocado e que a conduta perpetrada pela chapa vencedora comprometeu a lisura da eleição em Meridiano. "A decisão da Corte regional, baseada exclusivamente em depoimentos de testemunhas ouvidas em juízo, confirmou o oferecimento de benesses em troca de votos nos candidatos Orivaldo e Márcia, consistentes em pagamentos em dinheiro, efetuados por Acir Regis Nunes, e em perdão de dívida em mercado. Os depoimentos testemunhais uníssonos, detalhados, consistentes e coerentes comprovam que a intenção dos recorridos era influenciar os eleitores por meio da compra de votos, em desrespeito à legislação eleitoral", anotou o relator.
Em 2016, a eleição em Meridiano foi decidida por oito votos. Val Rizzato obteve nas urnas 1.658 votos (50,1%), enquanto Helena Torrente, esposa do ex-prefeito José Torrente, obteve 1.650 votos (49,9%). 

 

Bate pronto


NINHO TUCANO – Os tucanos vão se juntar no dia 24 de fevereiro, próximo domingo, para eleição do novo Diretório Municipal, conforme edital convocando a eleição assinado pelo atual presidente João Sabino Filho. A eleição será no Palácio 22 de Maio Prefeito Edison Rolin das 8 às 13 horas. Os tucanos decidirão no voto os 21 membros e 7 suplentes que comporão o Diretório, mais a eleição do Delegado do partido, Conselho de Ética e Comissão Executiva. De um tucano de alta plumagem: “Vai ter novidades”. A conferir...
LEILÃO DA SANTA CASA -  Terminada a Festa de São Sebastião em janeiro, uma comissão já iniciou os trabalhos para organizar o leilão da Santa Casa, que vai acontecer no dia 10 de março. A diretoria do hospital está divulgando que a renda desse leilão será para implantar uma usina de gases medicinais no complexo da Santa Casa de Fernandópolis. Para quem não sabe, essa usina tem a função de processamento e purificação do ar para consumo do hospital que deixará de comprar o oxigênio que é consumido, gerando redução de custos.  
SESSÃO SUSPENSA – Estava programado para o início da tarde desta sexta-feira a realização de uma sessão extraordinária na Câmara, que acabou suspensa por conta do falecimento do ex-vereador Luiz Pessuto. A pauta da sessão divulgada pelo legislativo incluía sete projetos, entre eles, quatro projetos de suplementação de verbas do Executivo, mais o projeto que reajusta os salários dos servidores da ativa, aposentados e pensionistas em 7% (4% retroativo a janeiro e 3% a partir de 1º de outubro). Do legislativo estava na pauta o projeto de revisão geral de remuneração dos servidores e agentes políticos (vereadores) e o que também fixa os subsídios do prefeito, vice e secretários.  

Claudemir Cabreira

Claudemir Cabreira

Jornalista. 

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');