Apae inaugura espaço aquático e homenageia Wandalice Franco Renesto

CADERNO VIVA - 08:30:30
Apae inaugura espaço aquático e homenageia Wandalice Franco Renesto

Piscina que será utilizada para fisioterapia e lazer dos assistidos recebeu o nome da ilustre fernandopolense
A Apae – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – de Fernandópolis realizou na quinta-feira, 28, uma singela cerimônia para a reinauguração de sua piscina – que estava desativada há anos. O espaço foi batizado com o nome de “Wandalice Franco Renesto”, uma das fundadoras da entidade. 
A reforma se deu por meio de uma emenda parlamentar do deputado estadual Zico Prado (PT), que destinou os recursos após uma visita a Apae. Com a melhoria, o espaço poderá ser utilizado pelos assistidos tanto para fisioterapia, quanto para lazer. 
“Não preciso nem falar o quanto esse espaço será importante para nós, pois todos já viram a alegria deles. Então quero deixar aqui o nosso agradecimento especial ao deputado pela sensibilidade e por estar aqui neste dia tão importante. Agora iremos buscar uma parceria junto ao poder público para oferecer a fisioterapia aqui e desafogar um pouco a FEF que é o único lugar que faz este atendimento até o momento”, disse o presidente da Apae Francisco Gouveia. 
HOMENAGEM
Durante a cerimônia, dona Wandalice foi homenageada pela diretoria e colaboradores da entidade, que, além de uma placa, prepararam um texto chamando-a de mãe da Apae e agradecendo por tudo que fez por ela ao longo dos anos. 
“Impossível falar da Apae sem lembrar dela... ternura, amor ao próximo e caridade são algumas das caraterísticas marcantes da nossa homenageada. A Apae foi fundada no dia 12/05/1971 pela Dona Wanda. Ela se tornou para história da entidade uma MÃE, pois trouxe esperança para inúmeras pessoas que por aqui passaram e aqui estão... MÃE, pois com todo seu amor por esta entidade criou, cuidou e zelou por ela... a história de uma pessoa mede-se pela sua contribuição para gerações futuras e pela dedicação e amor da Dona Wanda ao longo desses 48 anos de Apae, todo nosso reconhecimento, carinho e gratidão. Sempre é tempo de tributarmos o reconhecimento à importância da sua pessoa pela história da Apae, por isso a nossa singela homenagem cheia de amor e gratidão”, dizia o texto. 
Por problemas de saúde dona Wandalice não pode acompanhar a inauguração e foi representada por seu filho, Vic Renesto. Ele agradeceu a homenagem e lembrou que a estrutura física é importante, mas o verdadeiro patrimônio da Apae são as pessoas que a ela se dedicam. 
“Essa instituição só existe por causa da ação da sociedade civil, dos clubes de serviço, das entidades desse pessoal maravilhoso que está aqui, como o Adilsom, o Francisco e tantos outros companheiros da diretoria que ergueram essa bandeira”, concluiu Vic. 

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');