Dia Mundial do Rim tem alerta sobre avanço de doença renal crônica

SAÚDE - 08:48:08
Dia Mundial do Rim tem alerta sobre avanço de doença renal crônica

O Dia Mundial do Rim é marcado em Fernandópolis com um alerta da médica nefrologista Liliane Repizo do Núcleo de Hemodiálise da Santa Casa de Fernandópolis: Cada vez mais pessoas estão chegando ao hospital com doença renal crônica precisando da terapia substitutiva, ou seja, de utilizar a máquina de diálise para substituir as funções dos rins. Em Fernandópolis, 210 pacientes são atendidos no Núcleo de Hemodiálise da Santa Casa. A maioria faz diálise.

A data, comemorada sempre na segunda quinta-feira do mês de março, neste ano no dia 14, e trouxe como tema “Saúde dos Rins para todos” para alertar as pessoas sobre os cuidados para garantir a saúde dos rins.

De acordo com a médica, a doença renal crônica é silenciosa. “Os maiores riscos são para as pessoas que estão acima do peso, tem pressão alta, sofre de diabetes, fuma, tem mais de 60 anos ou tem problema de coração ou doença cardiovascular”, alerta.

“É assustador o aumento de casos de insuficiência renal crônica. Os pacientes que entram aqui com falência crônica do rim, só vão parar de fazer esse tratamento por dois motivos: se ele tem condições clinicas de saúde melhor, ele vai realizar um transplante renal, ou terá que fazer diálise, infelizmente, até o fim da vida”, explica a médica.

A médica lembrou também a importância das pessoas solicitarem ao médico que inclua no pedido de exames, a dosagem da creatinina. “É esse exame que ajuda a detectar precocemente um problema renal. É um exame simples e fundamental”, alertou a médica em entrevista ao CIDADÃO e Rádio Difusora.

Ao longo dos anos, a Campanha de Prevenção tem-se intensificado, ampliando cada vez mais o número de pessoas atingidas com informações sobre prevenção e a importância do diagnóstico precoce da doença renal crônica que pode evitar que a pessoa se torne um renal crônico e tenha que submeter a diálises.

As recomendação são básicas: tenhas hábitos alimentares saudáveis, não fume, beba água, controle o peso, pratique atividade física, controle a pressão arterial, nunca tome remédio sem orientação médica e consulte um médico regulamente e peça para verificar o exame de creatinina no sangue.

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');