“Somos os maiores interessados na investigação”, diz provedor da Santa Casa

GERAL - 13:17:59
“Somos os maiores interessados na investigação”, diz provedor da Santa Casa

Em uma coletiva de imprensa realizada na manhã desta terça-feira, 17, o provedor da Santa Casa de Fernandópolis, Fernando Cordeiro Zanqui, disse que o hospital é o principal interessado nas investigações conduzidas pela Polícia Civil, sobre as contas da entidade. 
Segundo Zanqui, os policiais afirmaram que o inquérito visa apurar ao aumento do endividamento do hospital nos últimos anos e, para isso, solicitaram documentos e contratos celebrados desde 2007. 
“A Santa Casa é a maior interessada na apuração dos fatos. Estamos contribuindo e auxiliando ao máximo as autoridades em tudo que for pertinente e solicitado”, disse o provedor. 
A administração da Santa Casa ainda frisou que a operação não prejudicou e nem irá prejudicar os atendimentos no hospital, que seguem normalmente. 
A polícia havia agendado para ontem uma coletiva de imprensa para falar sobre a operação, mas acabou desmarcando de última hora. 
MAIS MANIFESTAÇÕES 
A Unimed, Cooperativa e Trabalho Médico, e o Iacor – Instituto Avançado do Coração – também se manifestaram por meio da divulgação de notas. Ambas instituições médicas se colocaram à disposição para colaborar na apuração dos fatos. A Unimed diz não ser alvo de investigação. Já o Iacor disse ter franqueado o acesso dos policiais às suas instalações.
Confira o conteúdo das notas em seu inteiro teor:
A Unimed de Fernandópolis Cooperativa de Trabalho Médico comunica seus clientes, cooperados, colaboradores e fornecedores, que essa cooperativa médica não está sendo objeto de investigação no Inquérito Policial que apura eventuais irregularidades existentes na Santa Casa de Misericórdia de Fernandópolis.
A Unimed de Fernandópolis está à disposição para contribuir com a apuração dos fatos e, neste momento, reforça o seu compromisso de transparência em todas suas relações, sejam comerciais, institucionais e assistenciais.
Atenciosamente,
Unimed de Fernandópolis Cooperativa de Trabalho Médico
Dr. Sandro Rogério Serafim
Diretor Presidente
IACOR
O Iacor informa q quem possa interessar, que na manhã deste dia 16 de julho de 2019, terça-feira, foi procurado por autoridades policiais que, na busca de esclarecimentos sobre a sua relação com a Santa Casa de Misericórdia de Fernandópolis, solicitou diversos documentos, os quais foram prontamente entregues, franqueando-se amplo acesso às suas instalações e tendo, inclusive, indicado e apresentado outros que se encontravam em local diverso de seu estabelecimento.
O Iacor se coloca à disposição da justiça para quaisquer novos esclarecimentos que se fizerem necessários, bem como para colaborar com quaisquer diligências.
À diretoria.
A OPERAÇÃO
Uma operação deflagrada na manhã de ontem, 16, pelo GOE – Grupo de Operações Especiais – da Polícia Civil de Fernandópolis, apura uma série de transações entre a Santa Casa, Unimed e Iacor. As informações preliminares apontam que os contratos investigados datam de 2012.
O inquérito é presidido pelo delegado Ailton Canato. Policiais civis cumprem mandados de busca e apreensão de documentos nas três instituições. Ainda não há informações sobre mandados de prisão.
Os policiais não quiseram adiantar quais são as denúncias investigadas. 

 

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');