A 3 meses do fim do prazo, 18,8 mil eleitores ainda não fizeram a biometria

GERAL - 17:59:48
A 3 meses do fim do prazo, 18,8 mil eleitores ainda não fizeram a biometria

Na semana que a Justiça Eleitoral paulista alcançou a marca de 4 milhões de biometrias cadastradas no ano de 2019 aumenta a preocupação em Fernandópolis em relação ao cadastramento biométrico dos eleitores. De acordo com o número atualizado diariamente pelo Tribunal Superior Eleitoral, 18,8 mil eleitores ainda não apareceram para fazer a biometria. O prazo termina em 19 de dezembro, portanto, restam pouco mais de três meses.

Até esta sexta-feira, 6, o número de eleitores que se dirigiram ao cartório da 150ª Zona Eleitoral em Fernandópolis para fazer a biometria era de 33.490. Esse número representa 63,9% do eleitorado cadastrado (52.378).
A média de eleitores que tem procurado o cartório para realizar a biometria é baixo. Na quinta-feira, 5, apenas 51 eleitores apareceram. Levando-se em conta que 18,8 mil eleitores ainda não se cadastraram, para cumprir o prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral, o Cartório Eleitoral teria que atender cerca de 6 mil eleitores por mês, uma média de mais de 300 por dia até o fim do prazo. 
O eleitor pode fazer a sua biometria com simplicidade e rapidez. Quanto mais cedo ele fizer, menor o risco de enfrentar as longas filas que usualmente se formam no fim do prazo, lembra o juiz eleitoral Mauricio Ferreira Fontes.
O eleitorado de Fernandópolis já será identificado pela biometria nas eleições municipais de 2020, tornando o processo eleitoral ainda mais seguro. O procedimento envolve, além da coleta das digitais, fotografia, assinatura e a atualização do cadastro eleitoral.
Quem não realizar o cadastramento terá o título cancelado. O cancelamento do documento gera, além da inaptidão para o exercício do voto, certas restrições na vida civil, tais como: impossibilidade de tirar passaporte, obter empréstimos em estabelecimentos de crédito mantidos pelo governo, renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo, tomar posse em cargo público.
Para fazer o cadastramento biométrico, o eleitor pode fazer o agendamento pelo site do Tribunal Regional Eleitoral. No dia e hora agendados, deve levar documento oficial de identificação, comprovante de residência recente e título de eleitor. O Cartório Eleitoral 
da 150ª Zona Eleitoral de Fernandópolis, localizado na Avenida Expedicionários Brasileiros (em frente ao Arakaki Máquinas), tem atendimento ao eleitor das 9 às 18 horas.

VEJA TAMBÉM

teste

ga('send', 'pageview');